quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

Cegos se formam em Pedagogia

USC - Universidade Sagrado Coração
Bauru, 27/01/2009

"Trabalhamos ensinando como deve ser entendida a deficiência, mas na prática é diferente", diz a coordenadora do curso

No ano comemorativo aos 200 anos do nascimento de Louis Braille, inventor do código que torna a palavra escrita disponível a milhões de deficientes visuais, Cristian Elvis Fernandes e Tereza Cristina Rodrigues Vilela conquistam o ensino superior. Na quarta-feira (14/01) os dois, então alunos do curso de pedagogia da Universidade do Sagrado Coração (USC), emocionaram os presentes da Missa de Formatura e da Colação de Grau.

Tereza teve uma lesão de córnea, pela deficiência é cega de um olho e tem baixa visão no outro. Ela é de Ibitinga e viajava todos os dias de ônibus até chegar na USC. Na instituição, encontrou apoio de seguranças que a ajudavam a atravessar a rua, de grande movimento. Dentro do campus, cada lugar já estava decorado, mas caso precisasse, monitores estavam sempre à disposição para ajudar no caminho, além dos estudos.

O colega de classe Cristian é portador da surdo-cegueira. Na USC encontrou apoio para realizar o sonho do curso superior, principalmente pela adaptação do prédio e por poder contar com o Núcleo de Informações sobre Deficiência em Bauru (NIDB), que atende toda a região através de orientações e informações sobre deficiência. No NIDB ele contou com a biblioteca virtual, programas de leitura, lupa eletrônica, impressão em Braille e digitalização de livros e trabalhos. No NIDB também professores, funcionários e colaboradores são orientados a trabalhar com cada deficiência.

Para a coordenadora do curso de Pedagogia, Eveline Ignácio da Silva, o estudo dos dois universitários foi um desafio que gera muito orgulho.

"Trabalhamos ensinando como deve ser entendida a deficiência, mas na prática é diferente. Juntos, conseguimos vencer todas as barreiras e não foram apenas eles que aprenderam, todos os professores, funcionários e colegas de classe aprenderam. Foi uma super conquista", diz.

Mais informações sobre o NIDB podem ser obtidas pelo site www.usc.br/nidb ou pelo telefone (14) 2107-7212.

Nenhum comentário:

Postar um comentário